FACEBOOK
CONTATO
FEED
YOUTUBE
TWITTER
LINKEDIN
EnglishFrenchGermanSpainItalianRussian

21 de Janeiro, Dia Nacional de Combate à intolerância Religiosa

Print Friendly and PDF


Por Arthur Xenofonte.

21 de Janeiro de 2016, Dia Nacional de Combate à intolerância Religiosa

Já se faz mais de dois mês que me fiz presente na manifestação contra o preconceito religioso encabeçado pela ABRAVIPRE (Associação Brasileira de Apoio a Vítimas de Preconceito Religioso) ao lado de wiccanas, candomblecistas, pastores, católicos, daimistas etc na mais pura harmonia, de que outra forma poderia eu assim recordar o Amor incessante de nosso Pai Celestial se não em comunhão com os meus irmão? Por mim, todo dia 21 poderia ser lembrado dessa forma, ou com esse discurso. Devemos lembrar que devemos reverenciar as coisas sagradas, independente do que esta coisa seja para você ou para os outros, pois há sacralidade em algo para ao menos uma pessoa e ela não deve ser diminuída por conta de sua ignorância em encarar esse algo com sagrado. 

A ABRAVIPRE tem o sonho de se tornar referência e pioneira no Brasil. A cada dia, eles conseguem farta documentação jurídica e estudos de casos e de autoridades que ajudaram a usar melhor as leis, e quem sabe, forçar o legislativo a criar leis adicionais contra a discriminação advinda das religiões e de indivíduos preconceituosos. Sem dúvida, o objetivo maior da ABRAVIPRE é forçar a sociedade e o executivo em todas a sua esfera de atuação a cumprirem o que determinam as leis e a constituição.

A Ordem DeMolay ou o nosso capítuo não tem, nem precisa ter parceria com nenhuma instituição, mas quanto a ideologia, tanto a ordem DeMolay, quanto a ABRAVIPRE defendemos o estado laico. Ao meu ver, essa prática de se fazer presente em manifestações como essa, é e deve ser uma prática recorrente aos irmãos DeMolays mais novos e antigos, bem como o fazemos no dia da independência do Brasil no dia 7 de setembro.

Não julgue nenhuma fé pela primeira experiência que você teve com a mesma, não existe só um espaço religioso como aquele que você visitou, viu, ouviu falar ou que lhe levaram, certeza que há uma outra vertente, uma outra casa, um outro templo que pode ser melhor para você. E não se enganem, a religiosidade é algo inerente ao ser humano, então se você já procurou por tantos lugares, mas não conseguiu encontrar nenhuma crença que lhe complete, não temas em descobrir essa religiosidade dentro de você mesmo ou no universo, nem pense mal de si mesmo se você quiser criar a sua própria fé, se tem fundamento e ajuda as pessoas, então ela é bem vinda. 

Leia sobre a religião, não escute histórias sobre elas que não possuem fundamento, mas estude-as como puder. Se todos procurarem estudar e compreender a fé um do outro, certamente haverá mais e mais harmonia. 

Que o 21 de Janeiro seja sempre lembrado! 

Nem a Maioria é mais importante do que o respeito!

Entre em contato com a ABRAVIPRE: Fanpage e Grupo.

0 Comentários: