FACEBOOK
CONTATO
FEED
YOUTUBE
TWITTER
LINKEDIN
EnglishFrenchGermanSpainItalianRussian

Vamos olhar o lado positivo de poluição: o homem vai se adaptar

Print Friendly and PDF


Uma grande curiosidade da humanidade é a evolução do ser humano. Mas qual será a evolução do homem atual?

Segundo a teoria de Darwin, o ser humano no futuro será totalmente diferente, seremos todos negros, sem nariz e pelos, isso mudará totalmente a raça humana.

Mas parece que Charles Darwin errou um pouco nessa teoria que continuará sendo discutida por muitos anos, tudo por causa da igreja que acredita na teoria escrita na bíblia sagrada.


Na internet é bastante fácil encontrar uma teoria evolucionista creditada a Dr. W. S. Goker, que diz-se ser da antiga União Soviética - irônico é que um fórum russo diz que a teoria é de cientistas da Universidade de Los Angeles. Na teoria é relatado como “o ser humano vai evoluir para sobreviver em um mundo de alta concentração de toxinas e poluição".

Confira abaixo como serão as características do homem após esta evolução:
- Para suportar “as substâncias poluentes”, o olho do homem tende a ser menor, parecido com o do porco. Haverá uma “membrana transparente no canto interior do olho”, servindo como uma “segunda pálpebra";
- O Nariz será maior e deverá ter um “sistema de compartimentos e filtros para melhor limpar o ar”, além disso os "pêlos do nariz serão mais densos e longos”;
- Os Pulmões aumentarão de tamanho e terão mais ligação com o sistema circulatório, permitindo assim a "extração do ar de uma pequena quantidade de oxigênio";
- O Fígado será mais eficiente na “filtragem de substâncias venosas”;
- A Pele será mais bruta, tendo calcificação em algumas áreas, a fim de “evitar queimaduras de poluentes químicos da atmosfera”;
- O Apêndice ajudará a modificar todo vegetal em alimento (a carne será imprópria ao consumo por causa da poluição);
- A Estrutura óssea deverá ser mais frágil, por causa da “falta de vitamina D”, devido a grande "redução da luz solar, além da má alimentação";
- Não teremos cabelo por causa do aquecimento global;
- As orelhas terão dobras, por causa da poluição sonora. Serão como as orelhas de um “cachorro”, podendo ser abaixadas ou levantadas por causa do ruído.
- O homem será “mais louco”, pela presença de substâncias tóxicas nos alimentos (terá também uma grande quantidade de mercúrio).
- O homem terá uma unidade especial de respiração desde o nascimento, para “sobreviver às primeiras semanas da vida”.
- Os rins terão “nova função". Ao invés de "fluído a pessoa vai urinar um "purê", composto de ácido úrico e substâncias tóxicas".

E você o que acha?


Claro que isso é uma imensa piada. Em primeiro lugar, o texto acima prevê uma possível mutação do ser humano nas condições mais adversas, que, por algum motivo deliberadamente foram tomadas como aceitáveis. Em segundo lugar, os pesquisadores levaram em conta fatores ambientais e não o desenvolvimento de tecnologias, para ajudar as pessoas, capazes de limpar a atmosfera poluída, se isso fosse tão urgente como é apresentado acima. E ainda haveria a opção de migração desenfreada para um outro planeta, com condições mais adequadas para a vida! Claro que há a possibilidade de uma nova guerra, com a utilização de armas químicas e biológicas, todas capazes de alterar a aparência do homem. Sim, "apocalipse nuclear" não é impossível.

Falando a verdade, 2000 anos não é muito tempo para um processo de evolução grave, que é descrito acima. Isso exigiria, no mínimo, 10 vezes mais. Pelo menos!

0 Comentários: