FACEBOOK
CONTATO
FEED
YOUTUBE
TWITTER
LINKEDIN
EnglishFrenchGermanSpainItalianRussian

Pagãos Kalash estão na Mira do Talibã

Print Friendly and PDF






Os talibãs paquistaneses anunciaram uma "luta armada" contra uma tribo indígena e muçulmanos Ismaili  no norte de Chitral Valley, convidando os sunitas para apoiar a sua causa em um vídeo.

O vale já foi dominado por ismaelitas moderados e é também a casa do Kalash, um povo politeísta que alegam descender do exército de Alexandre, o Grande, e que mantiveram as tradições culturais distintas ao país predominantemente muçulmano.

Mas a migração nas últimas décadas fez com que os muçulmanos sunitas sejam agora a maioria na área, enquanto o estilo de vida dos Kalash está sob ameaça pelos talibãs, que também são responsaveis por uma série de ataques contra forças de segurança na área.

O video do Talibã de 50 minutos de duração  lançado em 2 de fevereiro  abre com uma vista panorâmica sobre o vale montanhoso que é popular entre os turistas nacionais e famosa por seu festival anual de pólo.

O narrador ameaça os Kalash, queacredita-se numerar apenas 3.500, a se converterem ao Islã ou enfrentar a morte.

"Pela graça de Allah, um número crescente de pessoas da tribo Kalash estão abraçando o Islã e queremos deixar claro para a tribo Kalash que eles vão ser eliminados juntamente com os seus protetores, os agentes ocidentais se não abraçarem o Islã ", diz ele.

O vídeo também acusa ONGs internacionais de tentar criar uma nova "Israel" como o estado em Chitral, tentando proteger a cultura Kalash e levar as pessoas longe do Islã, e promete frustrar seus planos.

A organização de caridade chefiada pelo Aga Khan, líder espiritual dos ismaelitas e um filantropo de renome mundial, também é condenada.

"A Fundação Aga Khan é responsável por 16 escolas e 16 faculdades e albergues onde  homens e  mulheres jovens recebem educação gratuita e lavagem cerebral para mantê-los longe do Islã", diz o narrador.

Ele acrescenta que as escolas e os hospitais da fundação, que são gratuitos para o público, são ferramentas de espionagem nas mãos de potências estrangeiras.

Os Kalash também são advertidos a parar a produção de vinho, o que eles fazem a partir de maçãs, amoras e uvas.

"As ONGs ocidentais estão promovendo o vinho dos Kalash e avisamos todos os indivíduos e hotéis que vendem, eles devem parar a produção e venda deste vinho de outro modo eles serão enviados para o inferno, pela vontade de Deus."

 Fonte:http://www.dawn.com/news/1086564


Sobre o Autor:
LORD KRONUS
LORD KRONUS
Admirador do Oculto e cinéfilo. azerate666@hotmail.com Confira mais textos deste autor clicando aqui

0 Comentários: