FACEBOOK
CONTATO
FEED
YOUTUBE
TWITTER
LINKEDIN
EnglishFrenchGermanSpainItalianRussian

COSTURADO de natanael gomes de alencar

Print Friendly and PDF



A história sobre a mesa.
O poeta no colchão.
Costurado fora.
Ninguém o soltou.
Nem a fã psicopata.
Ele tinha uma obra
Aterrorizante.
Os seus pais no campo.
Soldados mirando.
Pisadas nas minas.
Langues explosões.
Dia dos guerreiros
Retalhados.
E a louca se ausentou
Depois da costura.
No meio da guerra,
Com baixo e bateria,
Cantava uma criança
Seu quinhão-canhão
Numa poça de ódio.
Na linha de frente
Anjos vomitavam
O óleo das comidas.
Essa história sobre a mesa
Incompleta.
Falava a tempestade
Em todas as horas
Sobre as árvores.
A casa estava ruindo.
Terrorismo, guerra
E o poeta costurado
Com terra e riso
Nas costelas.

0 Comentários: